Ímpar: o novo local para petiscar na rua das Flores

A rua das Flores continua a dar de comer aos portuenses. O novo restaurante chama-se Ímpar Flores e está cheio de petiscos.

A Escola Pitagórica assim o definiu: “número par é aquele que pode ser dividido em duas partes iguais sem que uma unidade fique no meio. Ímpar são aqueles números que não podem ser divididos em duas partes iguais, porque sempre haverá um número no meio.” Ímpar Flores é também o nome de um dos mais recentes restaurantes do Porto, que pretende ser um espaço “diferente, único” e onde todos os pratos são em número ímpar.

A cozinha não fecha durante todo o horário de funcionamento deste restaurante/bar dois em um, com duas entradas e duas esplanadas, na rua das Flores e na Mouzinho da Silveira. Há várias opções para quem quiser petiscar, como tábuas de queijos ou presunto ou salmão (entre 11 e 13 euros), gambas ao alho (7,90 euros) alheira (7,50 euros), mini-hambúrgueres com cheddar (7 euros).

Existem três tábuas de degustação (21 a 25 euros). Para quem precisar de algo mais consistente, são servidos pratos como polvo à lagareiro (14,90 euros), bife de atum com batata a murro (12,90 euros), magret de pato com salada e batata a murro (13,90 euros) ou naco de carne com maturação de 30 dias e recomendado para quatro pessoas (29 euros), entre outros. Durante a semana há sempre prato do dia (carne e peixe), por 8 euros.

A carta de vinhos [podem ser bebido a copo (4 euros) ou à garrafa], entre sugestões do Douro, Dão e Alentejo, vai mudar a cada três meses, assim como a sobremesa convidada, da autoria da @Mmade.

Partilhar
Partilhar
Mapa da ficha ténica
Morada
Rua das Flores, 304/306, Porto (Baixa)
Telefone
220997140
Horário
Das 12h00 às 00h00. Até às 02h00 à sexta e sábado. Não encerra.
Custo
(€) 20 euros


Info
porto, restaurante, petiscos
GPS
Latitude : 41.1449438
Longitude : -8.611563599999954

Leia também:
Tripeiro, o regresso de um clássico da Invicta
A criatividade de Pedro Limão volta a provar-se no Porto
Madeira Taste: a nova casa da comida madeirense no Porto



CONTEÚDO PATROCINADO