Esta escola de tecnologia ensina as crianças a programar

SharkCoders: nesta escola as crianças aprendem a programar
A SharkCoders afirma ser a primeira escola de programação no país, com aulas no Porto e em Vila Real. (Fotografia: DR)
A Sharkcoders, primeira rede de escolas portuguesa de programação, está no Porto e em Vila Real com aulas abertas a crianças e jovens dos 6 aos 17 anos. Criar uma aplicação, fazer um site ou até desenvolver o jogo em 2D são algumas das propostas.

«As crianças já nascem quase ligadas aos tablets. Já que não as conseguimos tirar da tecnologia, porque não dar-lhes competências para trabalharem com ela. Porque não criarem uma app em vez de serem só consumidores?». O raciocínio é de Andreas Vilela, engenheiro informático, nascido em Frankfurt, na Alemanha, e filho de dois portugueses. Tem 30 anos, sempre esteve ligado à tecnologia e acabou mesmo por desenvolver um jogo de sucesso para smartphones chamado Kill the Duck, antes de criar, recentemente, a primeira rede portuguesa de escolas de programação.

A SharkCoders ganhou forma em dezembro passado, com a abertura de duas escolas, no Porto e em Vila Real. Já há várias turmas e as aulas não se limitam à programação. Há robótica, cursos rápidos para desenvolver aplicações móveis e até aulas de jogos 2D, adaptados a várias idades, já que a SharkCoders recebe alunos dos 6 aos 17 anos. «Os mais pequenos trabalham por blocos, conseguem mexer os bonecos em vários cenários. Já um miúdo com 14 anos pode criar a sua primeira aplicação móvel, já trabalha com código mais desenvolvido», diz o fundador da Sharkcoders.

Os cursos podem funcionar em regime regular, com uma aula semestral de 90 minutos, ou de forma esporádica, mais para grupos ou em períodos de férias. «A metodologia com que trabalhamos é muito lúdica e permite aos miúdos desenvolver certas competências que têm implicações positivas na matemática, física e química, no inglês, na criatividade», explica Andreas, que acredita que é uma questão de tempo até as escolas passarem a integrar a disciplina no seu programa obrigatório, à semelhança do que já acontece em vários países europeus.

 

SharkCoders Porto
Rua Pinho Leal, 220 (Boavista), Porto
Tel.: 916110852
Web: sharkcoders.pt
Preços: cursos a partir de 55 euros, por mês

SharkCoders Vila Real
Rua Dr. Manuel Cardona, Vila Real
Tel.: 936038010

 

Leia também:

12 Resoluções de Ano Novo para os miúdos em 2018
Ateliê para os miúdos serem Picasso e Miró por um dia
Festival de cinema para crianças está a chegar ao Porto