200 cervejas desfilam em novo festival de Cascais

Com um pé na praia do Tamariz e outro nos jardins do Casino Estoril, o The Beer Promenade aponta aos 10 a 15 mil visitantes por dia. Cerveja no copo é o que não faltar - inclusive uma com água do mar de Cascais

Adivinha-se o paraíso na terra para os amantes da cultura cervejeira. Ou não fossem 21 produtores nacionais e nove internacionais (do Canadá, Espanha, Brasil, Itália, Escócia e Bélgica) a marcar presença na primeira edição do The Beer Promenade Cascais, com mais de 200 tipos de cerveja à prova, ao som de música ao vivo e em conjunto com várias marcas de comida de rua. Entre os dias 2 e 4 de junho, todos os caminhos vão dar a Cascais.

Uma das principais atrações será o Espaço Dorf, que recebe as últimas novidades do setor, com direito a provas comentadas, e onde terão lugar harmonizações de cerveja com os produtos típicos do mar de Cascais – peixe e marisco. E não é tudo: a marca nacional Deck Beer vai jogar em casa com a apresentação da Cascais Gose, uma cerveja do estilo Gose, típico da Europa Central, que confere um toque salgado à bebida – que aqui é feita com água do mar de Cascais.

Naquele que é anunciado como o maior festival de cerveja realizado na Área Metropolitana de Lisboa, e pela primeira vez em Cascais, os visitantes vão poder explorar 30 stands de produtores, abastecendo o copo oficial do evento (custo de 3 euros), que poderão levar para casa após o festival. Além da cerveja à pressão, há uma loja com grande parte das marcas à venda em garrafa.

Para dar ainda mais sabor ao The Beer Promenade Cascais, a OG&Associados, que organiza o festival, convidou 17 carrinhas de street food a estacionar no recinto, com um leque de petiscos «ajustados a cada cerveja». O objetivo é também atrair um público mais feminino para o universo da cerveja artesanal, ajudando a derrubar os estereótipos associados ao consumo desta bebida alcoólica.

A animação musical fica a cargo de nomes como They Must Be a Crazy, Original Bandalheira, Funk Off And Fly, Projecto Bug ou Fatzilla, entre outras bandas e DJ. Criando todas as condições para que Cascais se imponha na rota internacional dos festivais deste género, a OG&Associados espera receber entre 10 a 15 mil visitantes por dia nos jardins do Casino Estroril. O festival vai funcionar no dia 2 (sexta-feira) das 17h00 às 01h00, no dia 3 das 13h00 às 01h00 e no dia 4 das 13h00 às 22h00.

A associação, responsável pelo Artbeerfest de Caminha que é considerado hoje a «meca» da cerveja artesanal, prepara-se para realizar seis festivais este ano, cujos locais e datas são já conhecidos. O PortobeerFest acontece, pela segunda vez, entre 14 e 18 de junho; a terceira edição do AlamedabeerFest em Faro decorre entre 7 e 9 de julho; o ArtbeerFest Caminha regressa pela quinta vez entre 13 a 16 de julho e o The Lisbon Beer Affair estreia-se de 14 a 17 de setembro.

 

Leia também:

Cascais: Moules&Gin tem jantares com ópera e humor
Marca de cerveja e José Avillez criam «a refeição perfeita»
Aldeana: a cerveja artesanal que conta a história do Montijo



CONTEÚDO PATROCINADO