Refeição ideal #12: O Watt do chef Kiko Martins, em Lisboa

A decoração de O Watt esteve a cargo do britânico Jasper Morrison [fotografia de jms]
Retomo esta semana uma secção que iniciei neste site e cujo principal objetivo é partilhar, com tudo o que isso possa ter de subjectivo, escolhas de pratos que, somadas, contribuem para ter uma refeição ideal num restaurante. O eleito da vez é o novo O Watt do chef Kiko Martins, na sede da EDP em Lisboa.

Não é a sua primeira incursão no espaço da nova sede da EDP, porque tudo começou com uma cafetaria, mas é com O Watt, aberto ao público, que o chef Kiko Martins leva esta parceria adiante.

Num edifício que se tornou rapidamente um marco arquitetónico na cidade, o restaurante não poderia deixar ao acaso a imagem, pelo que o design de interiores foi assinado pelo britânico Jasper Morisson. Não há, como nos outros restaurantes do chef, uma referência tão marcada, mas a inspiração veio, outra vez, das suas andanças pelo mundo com uma premissa interessante: a ementa é toda à base de crus, grelhados e pratos a vapor (nada de estufados ou fritos portanto) sem recorrer a gorduras saturadas ou a açúcares refinados — mesmo no caso das sobremesas, em que se optou, por exemplo, por tirar proveito do doce das frutas.

Aberto ao almoço e ao jantar a partir deste mês, O Watt trouxe alguns “clássicos” do chef para as entradas, como o ceviche d’A Cevicheria ou o mini tártaro d’O Talho, mas na minha primeira visita optei, nas entradas, pelo tomate biológico servido em várias texturas juntamente com burrata (muito superior à habitual mozzarella, fica a dica), manjericão e caviar balsâmico. Uma dose sai por 12,30 euros. Nos principais, e seguindo a lógica da partilha, provei (e recomendo) a espetada de polvo galego com cevadinha e um caldo de paella (19,70 euros) e também o camarão servido em folha de bananeira com lentilhas, masala indiana e chutney de manga (20,80 euros).

Nas sobremesas, e porque já falei aqui antes da versão da tigela de açaí, vou sugerir uma outra: abacaxi grelhado com gelado de iogurte e bolo-esponja de pinhão. Um cardápio curto, mas enxuto — na verdadeira aceção da palavra.

 

O Watt

Edifício Sede EDP-Avenida 24 de Julho, 12, Lisboa

Tel.: 211369504

Das 12h30 às 17h00 e das 19h30 às 00h00; encerra ao domingo

Preço médio: 30 Euros

 

Sigam-me também no Instagram para mais estórias visuais]



CONTEÚDO PATROCINADO