Há uma nova casa de petiscos no bairro das Antas

Do oriente à península Ibérica, não faltam receitas vindas um pouco de todo o mundo. Concentram-se agora na carta da nova casa de petiscos do bairro das Antas.

Petiscos inspirados nos sabores do mundo é o que se propõe fazer este novo espaço que abriu há dois meses numa zona pouco provável para este tipo de propostas: as Antas. «Ainda equacionámos abrir na Baixa», diz Victor Loureiro, um dos três sócios. Acontece que «os bairros tradicionais estão a renascer» e apostar numa zona residencial onde há poder de compra e com tão poucos espaços pareceu-lhes uma alternativa «cool». Além disso, Victor e Joana Seara, sua mulher e também sócia, vivem ali.

A ideia nasceu «por acaso», admite. Em conversa, durante umas férias, com o amigo e bom cozinheiro Pedro Lobato – que trocou a gravata e a advocacia pela jaleca e a cozinha e fundou o canal de culinária youcook.pt – surgiu a ideia de abrir um sítio. Como Victor está ligado ao mundo dos vinhos através da Quinta da Cabril, no Douro, não foi preciso muito para chegarem a um acordo sobre que tipo de espaço seria: uma taberna de vinhos e petiscos.

Simples, mas com conforto e estilo, a Por Acaso tanto serve umas tradicionais moelas, como croquetas de boletus à maneira espanhola, atum fumado, carpaccio de bresaola, ensaladilla rusa ou, um dos petiscos que foi sucesso imediato, o edamame, vagem de grãos de soja típica do oriente, a que eles chamam de “tremoço” à moda do Por Acaso.

 

Partilhar
Partilhar
Mapa da ficha ténica
Morada
Rua Guilhermina Suggia, 291, Porto (Antas)
Telefone
223165025
Horário
Das 17h00 às 00h00. Sexta e sábado até às 02h00. Sábado e domingo abre às 11h00. Encerra à segunda.
Custo
(€) 15 euros


Info
porto, restaurante, petiscos
GPS
Latitude : 41.1634901
Longitude : -8.59723669999994

Leia também:
Tripeiro, o regresso de um clássico da Invicta
A criatividade de Pedro Limão volta a provar-se no Porto
Madeira Taste: a nova casa da comida madeirense no Porto



CONTEÚDO PATROCINADO