Visitar o Douro vinhateiro a bordo do Comboio Presidencial

Começa no dia 3 de maio a edição de Primavera do Comboio Presidencial. Quem embarcar neste comboio histórico terá uma experiência pelo Douro acima: da Estação de São Bento até à Quinta do Vesúvio, em Foz Côa. Tal como na primeira edição, em 2016, a viagem tem chefs de renome a preparar as refeições a bordo.

O Comboio Presidencial circulou com este estatuto desde a implantação da República, em 1910, até à fase final do Estado Novo. Foi reabilitado entre 2010 e 2013 e desde o ano passado que sai do Museu Nacional Ferroviário para estas viagens especiais. Entre dias 3 e 7 de maio e 10 e 14 de maio, pode, então, embarcar-se numa viagem de 9 horas, pelo Douro.

A partida, às 11h00, faz-se da Estação de São Bento, edifício emblemático que celebrou 100 anos em outubro passado. Às 12h30, dá-se o primeiro momento especial do dia: o almoço almoço com harmonização de vinhos. Na primeira semana, a cozinha está entregue ao chef dinamarquês Esben Holmboe Bang, do restaurante com 3 estrelas Michelin Maaemo (na Noruega). Dias 10 e 11 a tarefa vai estar a cargo de Pedro Lemos, uma estrela Michelin com o seu restaurante homónimo, no Porto, e de 12 a 14 é o chef João Rodrigues, do Feitoria (também com uma estrela Michelin) que vai cozinhar para os viajantes.

Por volta das 15h00 chega-se ao destino, a Quinta do Vesúvio, no Douro Superior. Normalmente fechada ao público, abre nestes dias as suas portas para visitas e provas de vinho do Porto. Construída em 1827, a propriedade – que pertenceu a uma das mais importantes figura do Douro, a Dona Antónia – mantém-se praticamente inalterada desde essa época, e pertence agora à não menos famosa família Symington. Na viagem de regresso haverá muita animação, incluindo música ao vivo. A chegada a São Bento acontecerá ao início da noite.

O preço por pessoa para embarcar no comboio presidencial é de 500 euros. O preço inclui o menu de degustação de quatro pratos com harmonização de vinhos, provas, bar, salão de chá, um gift bag e um livro de coleção autografado pelo chef.

Quem quiser estender a experiência do Douro por três dias pode adquirir o Premium Pack. Este inclui visitas guiadas e exlusivas a Serralves e à Casa da Música, jantar no Pedro Lemos e noite no Hotel Intercontinental. Isto no primeiro dia, pois o segundo será a viagem no Comboio Presidencial, mas sem regresso ao Porto, pois o jantar e a dormida será no Six Senses Douro Valley. No último dia faz-se spa no mesmo hotel, almoça-se no DOC, do chef Rui Paula, e volta-se a entrar no comboio, no Vesúvio, de regresso ao Porto. O jantar é n’ O Gaveto, em Matosinhos, e a noite novamente no Intercontinental.

Para mais informações consultar o site www.thepresidentialtrain.com