Dia da Criança entre arte e natureza no Alto Minho

O festival de arte pública Desencaminharte começa no Dia da Criança e tem uma programação especial para os mais pequenos., que vão poder pintar trilhos pela serra e construir instrumentos musicais.

De 1 a 4 de junho, os dez municípios do Alto Minho vão ser palco de várias atividades culturais que visam promover a região e o seu potencial turístico, mas o dia da criança – que marca a abertura do festival Desencaminharte – conta com workshops e oficinas especialmente dedicadas aos mais novos.

Entre Viana do Castelo, Valença, Caminha e os demais concelhos da região, os artistas responsáveis pelas intervenções no festival vão receber, em cada local, as crianças que quiserem participar na sua obra.

Logo pela manhã, o diabo vai andar à solta em Ponte da Barca. A artista Mariana Barrote vai pôr os mais pequenos a construir cornos de diabrete e a correr pelos campos do Linhoso a assustar quem se atrever a lançar um pé ao caminho.

Já em Paredes de Coura, na famosa praia do Tabuão, a música não se faz ouvir só em agosto. «Das vibrações a batidas» é a oficina que pretende incentivar as crianças a experimentar sons diferentes e a relação com os materiais que os produzem. A atividade é organizada por João Pais Filipe, um músico que esculpe os seus próprios instrumentos.

«Cal é Coisa…» é a oficina de pintura rupestre com cal que será parte integrante da intervenção do artista Dário Cannatá em Melgaço. Os participantes vão poder meter mãos na tinta e marcar um trilho pela serra.

Ao todo erão dez oficinas que vão da música à expressão plástica, passando pelas lendas e costumes da região, com recurso a técnicas tradicionais e outras mais contemporâneas, que prometem entreter os mais pequenos num ambiente que une a cultura ao ar livre.

Esta primeira edição do Desencaminharte é organizada pela Comunidade Intermunicipal do Alto Minho e tem como objetivo valorizar a cultura e a natureza da região, promover o meio rural e a paisagem de um território em que mais de um terço da superfície é constituída por áreas naturais protegidas e classificadas.



CONTEÚDO PATROCINADO