Comércio tradicional em destaque na MercaFeira, em Santa Maria da Feira

O MercaFeira realiza-se no Europarque. (Fotografia: DR)
Depois de uma primeira edição de sucesso, a MercaFeira regressa ao Europarque, em Santa Maria da Feira, para dois dias de mercado com mais de 50 lojas, empresas de serviços e associações. Será dias 18 e 19 de maio e a entrada é livre.

No passado mês de março, a edição de lançamento da mostra de comércio tradicional MercaFeira reuniu 30 expositores no centro de congressos Europarque e recebeu, num único dia, mais de 3500 visitantes.

Alferes Pereira, presidente da AEF – Associação Empresarial de Santa Maria da Feira, explica em nota para a imprensa que logo no fim da primeira edição “todos os envolvidos concordaram que o projeto devia ter continuidade”. Assim, acrescenta o promotor do evento, “decidimos que o melhor era apostar numa realização trimestral, alargada a dois dias, sempre ao fim de semana”.

A MercaFeira tem como objetivo mostrar o comércio e micro comércio tradicional de Santa Maria da Feira. O evento terá vários setores disponíveis: vestuário de adulto e criança, roupa de cerimónia, calçado, bijuteria e acessórios, cosmética e barbearia, decoração de interiores, colchoaria, perfumaria e aromaterapia, organização de eventos, material de escritório, serviços financeiros, numismática, mobiliário e artigos vintage, produção alimentar, personalização de presentes, arranjos florais, animais de estimação e, entre outras áreas de atividade, até uma escola de obediência canina.

Juntam-se ainda serviços emblemáticos do município de Santa Maria da Feira, como as Termas de S. Jorge, com os seus massagistas, e entidades associativas regionais ou nacionais, como a associação cultural Grupo Gólgota e a APK – Associação Portuguesa de Kiwicultores.

A MercaFeira pode ser visitada no sábado, entre as 15.30 às 23 horas e, no domingo, das 10 às 19 horas.

Além destas datas em maio, até final do ano a AEF organizará duas outras edições do MercaFeira, uma a 28 e 29 de setembro, época focada no arranque do ano letivo e no regresso à rotina após as férias, e outra a 30 de novembro e 1 de dezembro, centrada na chegada do tempo frio e nas propostas relacionadas com o Natal e o passagem de ano.




Outros Artigos





Outros Conteúdos GMG





Send this to friend