O que os portugueses mais comeram fora em 2017 foi…

Pizas, mas não só. É o que diz a Zomato após ter feito um estudo sobre os hábitos de comer fora dos portugueses em Lisboa e Porto, com base em pesquisas feitas em 2017.

Os lisboetas e portuenses estão cada vez mais rendidos às pizarias, mostra um estudo realizado pela Zomato, conhecida plataforma de informações sobre restaurantes, acerca dos hábitos de comer fora praticados ao longo do ano passado. Só em Lisboa e no Porto existem mais de 800 restaurantes de piza e cozinha italiana, revelou a plataforma, que em Portugal regista 1,9 milhões de visitas por mês.

Analisando as tendências, percebe-se que o apetite pela especialidade italiana cresceu, mas não foi o único. Outros pratos, de outras latitudes (e mais saudáveis) também reuniram a preferência de quem saiu de casa para comer em Lisboa e no Porto – para saber quais, percorra a fotogaleria que acompanha o artigo.

«O dia mais popular para pesquisa de restaurantes foi o domingo, com maior atividade às 19:00, antes da hora de jantar». «Quanto ao universo de páginas listadas na Zomato, o somatório foi de 14,434 estabelecimentos na área da Grande Lisboa (mais 664 que em 2016) e 3,899 no Porto, mais 68», acrescenta a Zomato em comunicado. No total, a plataforma reúne informação sobre mais de um milhão de espaços gastronómicos espalhados por 23 países em todo o mundo.

Percorra a fotogaleria para saber o que mais comeram os portugueses em Lisboa e Porto fora de casa, em 2017.

 

Leia também:

Porto: 10 restaurantes saudáveis para começar bem o ano
Novas pitas saudáveis de Lisboa têm nome de figuras históricas
É obrigatório visitar estes 10 restaurantes no mundo. Um é português