13 de maio é dia de provar vinhos na Herdade do Esporão

13 de maio é dia de provar vinhos na Herdade do Esporão
O jantar de degustação é já este sábado.
É uma data emblemática em Portugal que a Herdade do Esporão, no Alentejo, quer deixar associada a um outro momento importante: a prova anual da sua garrafeira, seguida de um jantar de degustação.

Conhecida sobretudo pelos seus vinhos e azeites, A Herdade do Esporão, em Reguengos de Monsaraz, está a funcionar como enoturismo desde 1997, integrada na Rota Mundial do Vinho, e tem sabido fazer como poucas dos dois primeiros e da cozinha alentejana — aliados à paisagem, à tradição e ao património — um importante chamariz para atrair gente de dentro e de fora.

Não admira por isso que, todos os anos, reserve alguns momentos da sua agenda para dar a conhecer (e a provar) aquilo que de melhor ali se faz e produz. Como é o caso do 13 de maio, uma data emblemática em Portugal que os responsáveis da herdade fizeram coincidir com a prova anual da sua garrafeira. Neste dia, o enoturismo abre as portas a 12 interessados — sim, são apenas 12 vagas —, que poderão participar na prova, conduzida pela enóloga da casa Sandra Alves, e visitar as adegas dos Lagares e Túnel das Barricas, seguindo-se um jantar a cargo, como não poderia deixar de ser, do chef do Esporão, Pedro Pena Bastos.

«A gastronomia é indissociável disto tudo, porque seja no vinho, no azeite ou até na forma como protegemos a biodiversidade da nossa propriedade e olhamos para os solos a fim de melhor entender como as castas evoluem, a Herdade do Esporão tem uma forma muito intensa de trabalhar e entendemos a identidade nacional, das pessoas ao território e aos costumes, como um todo», explicam. Daí que no menu de degustação de sete pratos (fora as surpresas) a ser servido, o jovem chef, que integra um grupo de cozinheiros muito atentos ao terroir, faça questão de incluir as primeiras frutas e vegetais da temporada.

A prova e o jantar têm um custo de 150 euros por pessoa, com início às 17h30 (bebida de boas-vindas), e os vinhos escolhidos foram o Esporão Reserva Branco 1987, o Esporão Reserva Branco 1994, o Esporão Reserva Branco 1998, o Private Selection Branco 2005, o Duas Castas 2007, o Duas Castas 2014, nos brancos, e o Quatro Castas 1997, o Touriga Nacional 2007, o Private Selection 200 e o Esporão Reserva Tinto 1987, nos tintos.

 

Herdade do Esporão
Apartado 31, Reguengos de Monsaraz
Reservas e informações pelo tel.: 266509280/e-mail reservas@esporao.com
facebook.com/events/210505202772184/

Veja também:

Alentejo e Douro nos 10 melhores destinos europeus de vinhos
Seis vinhos nacionais que marcam a diferença
Sete vinhos de norte a sul a não perder de vista em 2017