The Vine House, o Douro à janela de uma casa centenária

The Vine House (Fotografia: DR)
A Quinta de São Luiz, no coração do Alto Douro Vinhateiro, abriu portas este verão com um novo hotel de linhas minimalistas e vista privilegiada para o rio. A The Vine House resultou da recuperação de uma casa com mais de 200 anos, onde chegaram a viver as famílias Barros e Kopke

Elevada na encosta, a meio caminho entre a Régua e o Pinhão, na célebre Nacional 222, encontra-se a Quinta de São Luiz, centro de produção dos vinhos do Porto Kopke. No seu interior, nasceu este verão a The Vine House, a primeira unidade de alojamento do grupo Sogevinus – que detém marcas como a Cálem, a Kopke, a Burmester e a Barros – no Douro. A guesthouse resultou da recuperação de uma antiga casa de campo, com mais de 200 anos, onde chegaram a viver as famílias Kopke e Barros. Algumas das memórias desses tempos e de outros episódios da história da propriedade, imortalizadas em bonitas fotografias do arquivo histórico da quinta, chegaram às paredes da casa, após as obras de restauro. A intervenção procurou manter a traça original, mas dotando os interiores de um ambiente orgânico, à base de madeiras claras e linhas minimalistas.

The Vine House (Fotografia: DR)

 

O resultado foi um conjunto de espaços elegantes e luminosos, sem privar o conforto, nos quais se incluem os 11 quartos, com vista sobre o rio Douro. Cada um deles foi buscar o nome a um dos talhões de vinha da quinta: Amadiz; Cardanho; Encosta; Tegão; Galeira; Lobata; Canária; Tilieira; Mesquita e D. Pedro. Algumas destas parcelas pertenciam a quintas vizinhas, que foram sendo adquiridas ao longo dos anos, até serem alcançados os atuais 125 hectares.

Seis dos quartos contam ainda com uma varanda exclusiva, aberta para a vinha Rumilã, a mais antiga de S. Luiz, com origem numa parcela centenária.

The Vine House (Fotografia: DR)

 

À disposição dos hóspedes do The Vine House, e de visitantes da quinta, estão também um conjunto de experiências em torno no vinho, que incluem acompanhar os afazeres diários da propriedade, fazer provas das referências ali produzidas – incluindo os Douro DOC São Luiz – e de outros vinhos do grupo. Assim como visitas guiadas, com passagem pelas vinhas, a adega e a antiga sala das cubas, com paredes de xisto a descoberto, além de outros pontos de interesse, como a capela de Santa Quitéria, onde os trabalhadores da quinta se reuniam para ir à missa, a Casa do Alambique ou as típicas “Ginas” (balões de armazenamento de vinho, caiados de branco).

Mediante reserva, juntam-se à lista, almoços ligeiros no terraço sobranceiro ao rio, e jantares com menu de três momentos. De manhã, a pedido, também é deixado à porta do quarto um cesto de piquenique com o pequeno-almoço, para tomar na varanda ou em algum outro recanto da quinta, sempre com o mesmo cenário de fundo: o Douro a serpentear entre as encostas recortadas em socalcos.

The Vine House (Fotografia: DR)

 

Partilhar
Mapa da ficha ténica
Morada
EN222, Adorigo, Tabuaço
Custo
() Quarto duplo a partir de 120 euros por noite (sem pequeno-almoço)


GPS
Latitude : 39.3999
Longitude : -8.2245




Outros Artigos





Outros Conteúdos GMG





Send this to friend