Sabores da Madeira numa hamburgueria de Oeiras

Começou com hambúrgueres, mas a carta da Hamburgueria Insular diversificou. Hoje, as apostas são a espetada em pau de louro e o filete de peixe-espada preto.

Chama-se Hamburgueria Insular, mas aqui servem-se mais do que hambúrgueres no bolo do caco. Entrar neste restaurante é quase como colocar um pé na ilha da Madeira. A sala, com fotografias a preto e branco, proporciona uma viagem ao arquipélago. Uma das paredes transporta os clientes – muitos deles ilhéus – para os tempos em que o comboio circulava no Monte. No lado oposto, são um táxi e um autocarro antigos (o famoso «horário») que chamam a atenção, enquanto um ecrã transmite vídeos da Madeira tal como ela é hoje. Dos cruzeiros à Festa da Flor, é um verdadeiro cartaz de visita.

Filipa Luís Brasil, José Gregório Luís e José Andrade Luís – os três irmãos madeirenses donos do espaço – dizem que foi a maneira de trazer um pouco da sua terra até ao Continente.

Nas matérias da mesa, os sabores insulares chegam logo nas entradas, com o milho frito. Para prato principal, além dos hambúrgueres no bolo do caco – com o Cabo Girão a fazer jus à grandiosidade da região – há outros pratos típicos da Madeira que são tão ou mais solicitados.

É o caso da espetada em pau de louro e do filete de peixe-espada preto com banana e molho de maracujá. «Tudo isto é Madeira», afirma Filipa Luís Brasil. Na composição dos hambúrgueres, «tentou-se fazer uma associação a algo específico de cada freguesia, como uma iguaria ou uma expressão». Por isso, a carta tem, entre outros, o hambúrguer Insular, o Machico e o Porto Santo.

Tanto na espetada como no peixe-espada, Filipa garante que a mais-valia está no facto de «a matéria-prima ser madeirense». E, como tal, para acompanhar a refeição, não podiam faltar a poncha e Brisa.

 

Hamburgueria Insular
Rua Febus Moniz, 11
Tel.: 214414055
Web: facebook.com/hamburgueria.insular
Das 12H00 às 15h30 e das 20h00 às 23h 00. Encerra à segunda.
Preço médio: 15 euros