Petiscos e novo espumante para este inverno

Às portas do Castelo de São Jorge, a Espumantaria do Petisco assinala os seus dois anos com uma nova carta de petiscos e o primeiro espumante da casa.

Aqui não se enfrenta o inverno com cachecóis ou antigripais. A receita para brindar à estação fria está numa aposta no espumante, para o qual Nuno Correia Pereira, um dos empresários da Espumantaria do Petisco, situado às portas do Castelo de São Jorge, em Lisboa, quer voltar as atenções.

Para provar que esta bebida pode, e deve, acompanhar qualquer refeição, o restaurante prestes a celebrar dois anos acaba de lançar o seu próprio espumante, simplesmente intitulado Da Casa, produzido em parceria com a Quinta do Ferro, em Baião. O ideal para harmonizar, por exemplo, com o escabeche de codorniz com puré de cherovia e especiarias (11 euros), arroz de garoupa com camarão e piripiri caseiro (38 euros, para dois), ou tártaro de novilho com chips (15 euros), três dos petiscos e pratos da nova carta do espaço, muitos deles pensados para serem partilhados.

«É um espumante mais incorporado, perfeito para pratos com sabor intenso. Mas também para um copo entre amigos», explica o chef Vítor Hugo (Eleven, 100 Maneiras), responsável pela cozinha do restaurante e que homenageia a avó Rosa nesta nova carta. «Foi isto que cresci a comer. Quis que fosse tradicional mas com um twist», conta.

Quer seja na esplanada, ao balcão ou na sala do restaurante, decorado com mármore de Estremoz e tijolo burro, a variedade impera nos novos petiscos. Creme de ervilhas com ovo escalfado (3,50 euros); peixinhos na horta (um combinado de peixinhos da horta e petingas) com maionese de wasabi (6,80 euros); lambujinhas à Bulhão Pato (14,5 euros); salada de favas com tofu (6,50 euros); ou uma tábua de cinco queijos nacionais, do mais amanteigado ao mais curado, produzidos no Alentejo, em Mora (18,50 euros), são alguns destaques.

Quem não for grande fã de espumante por si só, pode pedir o delicioso cocktail Aos Molhos, que leva o espumante da casa, maracujá, limão e erva príncipe. O remate final é certeiro se a escolha for a mousse de chocolate com crumble e «cheirinho» – leia-se, aguardente vínica (4,80 euros). Mais uma arma para enfrentar este inverno.

 

Partilhar
Mapa da ficha ténica
Morada
Calçada do Marquês de Tancos, 1, (Castelo), Lisboa
Telefone
217657894
Horário
Das 11h00 às 23h00. Sexta e sábado, até às 00h00. Não encerra.
Custo
(€) Preço médio: 18 euros.


GPS
Latitude : 38.71214
Longitude : -9.134580700000015

 

Leia também:

O novo bar do Príncipe Real aposta na street art
Este petisco nacional é a próxima tendência mundial
Mais de 250 escolhas nacionais neste wine bar de Lisboa