Blogues

Opinião: O conceito é a partilha e sentir em casa

opinião: o conceito é a partilha e sentir em casa tiago guilherme
(Fotografia: João Manuel Ribeiro/GI)
Crónica sobre a moda dos conceitos nos restaurantes.

Ir comer fora é um dos grandes prazeres da vida. Isto, claro, com boa companhia, com boa comida e com boa bebida. Ir jantar a um restaurante, seja com família seja com amigos, é um daqueles momentos impagáveis de satisfação. Quando nos disponibilizamos ir a algum lado propositadamente para estar com outras pessoas isso é por si só um ato de amor. É também um ato cultural, de civilização. Há um ritual próprio numa ida a um restaurante, que faz de nós seres humanos. É um momento especial. Seja numa tasquinha de esquina seja num estrela Michelin.

E isso basta. Mas desde há uns anos que os donos e assessores de restaurantes acham que os seus espaços devem ter um conceito. Aliás, vivemos tempos em que se acha que tudo deve ter conceito. Nada mais enganoso. Não, nem tudo tem de ter conceito. As coisas são o que são. E pior é quando nos tentam explicar o conceito do restaurante. Primeiro: se nos têm de explicar é porque o conceito não é forte por si só. Segundo, e pior ainda: parece que a tendência comum é o conceito ser a partilha. Peço desculpa, mas comer é um ato egoísta e sempre será. Quando vamos a um restaurante partilhamos momentos e conversas, não queremos partilhar comida nem pratos. Comer é um ato pessoal.

Outro conceito muito difundido, que por vezes é complementar ao da partilha, é que nos sintamos em casa. Mas eu saio de casa para ir jantar fora e querem que eu me sinta em casa? Para me sentir em casa jantava em casa, não? Quando vamos a um restaurante a última coisa que pretendemos é sentirmo-nos em casa. Queremos sentir-nos num local especial. E que um restaurante seja um restaurante, não a nossa casa. Entendido, senhores inventores de conceitos?

 

Leia também:

Seis bares clássicos para sair à noite no Porto
Já pode votar em Lisboa para Melhor Destino Europeu
Petiscos de autor e brunch no novo posto de Matosinhos