Sugestões para celebrar o Dia Mundial do Cocktail

Cocktial Estuário, no rtenassaince
O dia 13 de maio foi o escolhido para se celebrar mundialmente o cocktail por ter sido nessa data, em 1806, que foi publicada aquela que se conhece por primeira definição da mistura como uma bebida alcoólica. Foi no periódico The Balance and Columbian Repository (Hudson, Nova Iorque) que Harry Croswell respondeu à pergunta de um leitor "o que é um cock-tail?" com a resposta "é uma bebida estimulante composta por quaisquer destilados, açúcar, água e bitters". Foi em 2006 que a Associação Internacional de Bartenders teve a ideia de comemorar oficialmente a data.

Renaissance Lapa Hotel, Porto
A nova carta de cocktails de assinatura do bar do deste hotel chama-se Native e é inspirada nos sete ecossistemas portugueses. Faz homenagem aos sabores e aromas do Norte e do Sul e ilhas, com técnicas arrojadas, ingredientes improváveis e copos vanguardistas. A viagem de mixologia começa com o ambiente Marítimo (18 euros), feito de licor herbal, vodka Froggy B e uma nuvem de salicórnia, que simula a espuma do mar e que vai pingando gradualmente dentro do copo. Doce, frutado e floral, o Dunar (17 euros) representa as dunas portuguesas e é uma vénia ao verão. Este cocktail combina figo da Índia, uma infusão com vodka, bergamota, toranja, alcaçuz, lavanda e rosas, misturada com notas de um perfume assinado por Jean Paul Gaultier. Disponível nas versões com e sem álcool, a Floresta Laurissilva (13 euros e 17 euros) representa o clima e as paisagens verdejantes das ilhas da Madeira e dos Açores, sendo o único cocktail apresentado em três momentos: um apenas com ingredientes madeirenses, outro com sabores açorianos e um terceiro que combina a identidades dos dois territórios. Os restantes são o Montado, inspirado no Alentejo, Estuário, Floresta Autóctone e Montanha. Todos são criação de Cristiano Losa. Rua de Cervantes, 169. Tel.: 229 769 810. marriott.com/pt-br/hotels/opobr-renaissance-porto-lapa-hotel

Floresta Laurissilva

Casa Guedes Rooftop, Porto
No rooftop da Casa Guedes da Praça do Poveiros os petiscos tradicionais podem ser acompanhados por cocktails autorais criados especificamente para o espaço. Entre as várias opções, destaque-se o Begin (9 euros), preparado com gin, uma redução de tangerina e maracujá, água tónica e espuma de gengibre; o Volcano (9 euros) com Jameson Orange, Triple Sec, redução de tangerina e maracujá, limão e tónica hibiscus; o Mafiosa (11 euros) tem cachaça, morango, Licor 43, lima, manjericão, tabasco e açúcar de pimenta; o Redbone (8 euros), junta vodka, morango, solução cítrica e espuma de gengibre; por último, o Green Peace (11 euros), mistura o gin com licor St Germain e xarope de manjericão. Praça dos Poveiros, 76. Tel.: 221 142 119. casaguedes.pt

Vulcano (Fotografia de Eduardo Almeida/DR)

Aussie Steakhouse, Oeiras
Em Oeiras, este é um restaurante de inspiração australiana, tanto a carta da comida como de cocktails. Entre as opções, destacam-se o Australian Mule (7,90 euros), o colorido Lagoa Azul (5,90 euros), já de outras inspirações, a clássica caipirinha (5,90 euros). Para comemorar a data, do dia 13 ao 16 de maio, há dose dupla de caipirinha, em qualquer sabor disponível. Rua Marechal Costa Gomes 4c. Tel.: 210 737 946. Instagram: @aussie.pt

Caipirinhas

Esplanada do Jardim do Morro, Vila Nova de Gaia
Reabriu a semana passada, renovada, mas com a mesma vista sobre o Douro. Conta com uma carta nova e mais diversificada de cocktails, entre eles Whisky Sour Romã, Ocean Spritz, Oceon Negroni, El Gobierno, Bridge Me (desde 9 euros). Os cocktails clássicos custam desde 7,50 euros. Na lista mantém ainda o serviço de cafetaria, sumos naturais e uma diversificada e nova lista de vinhos brancos, tintos e rosés de diferente regiões, além de espumantes e champanhes. Rua Rocha Leão S/N. Tel.: 220 996 290. instagram.com/esplanadajardimdomorro




Outros Artigos





Outros Conteúdos GMG





Send this to friend