Tomar recebe quatro espetáculos de vídeo mapping

As fachadas de quatro monumentos vão transformar-se numa tela gigante ao ar livre para contar a história da cidade templária. Começa esta sexta-feira, 9 de junho, e tem entrada livre.

Padrões de luz e vídeo mapping vão cobrir a Igreja de Santa Maria do Olival, o Complexo Cultural da Levada, a Praça da República e o Convento de Cristo de Tomar a partir desta sexta-feira, dia 9, e até 18 de junho. O espetáculo Flux Tomar – Rota de Luz decorrerá em simultâneo nos quatro monumentos, com entrada livre.

Sem revelar muito, o município tomarense adianta que na Igreja de Santa Maria do Olival haverá pinturas de luz interativas, isto é, padrões e símbolos desenhados pelo público e projetados na fachada do edifício em tempo real. Depois, o vídeo mapping toma conta das fachadas do Complexo Cultural da Levada, dos Paços do Concelho e do Convento de Cristo, prometendo arrancar expressões de surpresa à audiência.

As projeções de luz e vídeo constituem um «percurso imersivo multimédia», criado pelo ateliê O Cubo, o mesmo autor do espetáculos de vídeo mapping que deslumbram milhares de pessoas todos os anos na Praça do Comércio, em Lisboa, por altura do Natal.

O Flux Tomar – Rota de Luz ilumina os céus da cidade a partir das 21h30 e até às 00h00, sendo que o edifício da Câmara Municipal de Tomar terá sessões de meia em meia hora. Todas com entrada livre.

 

Leia também:

Viseu: comida e boa música à mesa do Faces
A cidade de Tomar além do Convento de Cristo
Produtos da região de Setúbal ganham novo SPOT em Palmela