Novo hotel de Cristiano Ronaldo chega a Lisboa

Após a estreia no Funchal e com Madrid e Nova Iorque no horizonte de aberturas, a marca que junta Cristiano Ronaldo e o grupo Pestana abre o seu segundo hotel a 16 de agosto. Bem no coração de Lisboa.

O assunto é dado a metáforas futebolísticas. Pode dizer-se que Cristiano Ronaldo bisou (e que, daqui por um ano, marcará hat trick em Madrid). Ou que a posição não podia ser mais central – aliás, completamente desmarcada –, a jeito de rematar de cabeça, entre o Arco da Rua Augusta e os torreões da Sé, que se deixam ver de perto nas varandas dos quartos dos pisos superiores.

Sim, podia-se fazer um sem-número de trocadilhos. Mas isso seria o caminho fácil. E o ponta de lança madeirense que dá identidade à nova coleção de hotéis Pestana não é homem trilhar por caminhos fáceis. «O vosso amor torna-me mais forte, o vosso ódio torna-me imparável», lê-se, em inglês, inscrito na parede, sobre a receção.

Frase do próprio, publicada há um ano nas redes sociais, agora feita máxima de uma gama de hotéis que, mais do que decalcar a imagem de Cristiano Ronaldo, são «inspirados no universo no qual ele se movimenta». A explicação é dada por José Roquette, chief development officer do Grupo Pestana.

O primeiro Pestana CR7 abriu em julho, no Funchal. Os próximos dois, que não chegarão antes do final de 2017, serão na Gran Vía de Madrid e a vizinhança de Times Square, em Nova Iorque.

De permeio, abre agora o hotel de Lisboa, o segundo da insígnia CR7, na esquina da Rua do Comércio com a Rua da Prata, a dois passos do Terreiro do Paço.

O edifício pombalino de seis pisos foi transformado em 82 quartos, todos eles recheados de pormenores hi-tech pensados para fazer as delícias de um público-alvo jovem: internet de alta velocidade (disponível tanto no hotel como fora dele – aliás: em todo o território nacional), televisões HD de 48 polegadas, conectividade HDMI, carregadores USB, Apple TV, streaming para Android. Um bolo que o diretor Miguel Plantier resume como «digital comfort». Ou «conforto tecnológico».

As ligações ao mundo do futebol, embora menos óbvias do que no primogénito madeirense, estão presentes nas escadas de acesso aos quartos, onde se ouve o rumor da claque num estádio. Nos tapetes dos quartos, decorados com a marca das chuteiras de Ronaldo em modo de sprint. Na linha cronológica da vida do craque, revista em ecrã táctil no interior dos elevadores.

No piso térreo, funciona o CR7 Corner Bar & Bistro, eixo da vida social do hotel. É, a um tempo, restaurante de carta baseada na cozinha portuguesa, afinada pelo chef Rui Martins, um bar de cocktails aberto até às 01h00, e sala para os pequenos-almoços à la carte, que incluem mimos como bolo de banana, omelete de claras de ovo, panquecas com maple syrup. Pequeno-almoço de campeões, caso nos seja permitido o derradeiro trocadilho.

Pestana CR7 Lisboa
Rua do Comércio, 54 (Baixa). Tel.: 218442001. Web: pestanacr7.com. Quarto duplo a partir de 180 euros (com pequeno-almoço).



CONTEÚDO PATROCINADO