Viseu: Uma pizzaria de ‘Inprovviso’ com produtos da região

Chama-se Inprovviso porque ali se improvisa às vezes o que fazer com os verdes de Viseu, os enchidos da Beira e os inevitáveis frescos italianos. E os vinhos do Dão, principalmente os rosés, a combinar bem com tudo.

Cristina da Costa e Alberto Tomás sempre tiveram restaurantes de comida italiana mas este Inprovviso, que abriu em outubro, junto ao centro (ao pé da PSP), aperfeiçoa o conceito familiar que sempre estimaram. É um lugar pequeno, com a madeira das caixas de vinho a dar um tom suave ao ambiente e metade dos assentos em forma de sofás, ao longo de toda a parede.«A nossa ideia era mesmo fazer uma coisa mais pequena, para que as pessoas cheguem aqui e se sintam em casa. Por isso o sofá, que junta as pessoas», explica Alberto, que criou uma carta tão simples como o lugar.

Ali comem-se sobretudo pizzas, bruschettas e saladas. O princípio é «fazer pizzas diferentes, com associações pouco prováveis de ingredientes», explicam Alberto e Cristina, que trabalham há 16 anos com o piazzolo Fernando Abrantes, que tem outro tanto de carreira. Na cozinha, misturam-se chouriços da Beira com enchidos ibéricos, cogumelos shiitaki e verduras biológicas de quintas de Viseu e os queijos italianos. Depois, «às vezes improvisamos», avisam Cristina e Alberto, que estão sempre a circular entre a cozinha e a sala, eficientes e tranquilos, sem que haja fronteiras entre uma e outro, podendo ver-se o forno de onde saem as pizzas, estando entre as preferidas dos clientes a Trattoria (com presunto e
rúcula) ou a agridoce Caprina (com queijo de cabra, mel e nozes).

A decoração bem marcada por elementos vínicos deriva do gosto dos donos pelo vinho do Dão. E Alberto serve-nos a sua famosa Caprina com um copo rosado de Quinta do Perdigão. «Os rosés do Dão combinam muito bem com a comida italiana». O projeto do casal, que trocou há 16 anos a sua vida em França por Viseu, é manter-se por ali. «Fomos nós que implementamos o gosto da pizza em Viseu. Gostamos desta ligação aos clientes, de ver os filhos crescer e depois trazerem os filhos deles. Se fosse por dinheiro, já tínhamos ido para Lisboa», dizem.

 

Inprovviso
Rua do Serrado, lote 9, Viseu.
Tel: 232461033
Das 12h00 às 14h00 e das 19h30 às 22h00.
Encerra domingo e segunda ao almoço. Preço médio: 15 euros

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.



CONTEÚDO PATROCINADO