Lisboa: Pizas de massa fina e ‘com metade das calorias’

O império de pizarias Vignoli começou no Brasil há 10 anos. Massa fina que se come de luvas e receitas leves. Agora numa esplanada de uma das praças mais bonitas da cidade.

A piza aterra na mesa, mesmo ao lado da ementa em cartão. E a comparação dá-se logo aqui: pode parecer exagero, mas a verdade é que as dimensões de ambas aproximam-se quando se fala da espessura. Mesmo com os ingredientes por cima, a piza parece quase um fino smartphone.

É a segunda prova de que se está diante de uma pizaria diferente em Lisboa. A primeira é o espaço: com esplanada voltada para o jardim da Praça das Flores e, no interior, pequeno, acolhedor, e com objetos antigos a enfeitar as paredes. Nenhuma surpresa para quem conhece o homem por detrás deste império brasileiro de pizas, que chega agora a Portugal.

Cláudio Vignoli, natural do Rio de Janeiro, é coleccionador de peças vintage e acabou mesmo por emprestar relógios do seu pai para decorar esta sua primeira pizaria fora do Brasil. É da sua família paterna que veio também o gosto pela cozinha italiana e pelas pizas, cuja massa foi aperfeiçoando desde que decidiu deixar a área publicitária. São preparadas horas antes de servir no forno, para que a massa esteja cozida tanto nas pontas como no meio.

É tão fina e crocante que se parte facilmente, razão pela qual os talheres são substituídos por luvas no restaurante. “Também por ser mais fina tem metade das calorias de uma piza tradicional e não leva ovos, leite, nem gordura hidrogenada”, explica o empresário de Fortaleza.

A passagem por Portugal surgiu a caminho de Santiago de Compostela, no ano passado. E, por insistência de um amigo (agora seu sócio), decidiu trazer as pizas Vignoli para terras lusas. As portas abriram há três meses e ementa brasileira mudou para se habituar aos ingredientes locais.

Há massas, risoto e pizas de bacalhau, de polvo e de camarão, mas há também a tradicional pizza Brasileira, que no Brasil se chama Portuguesa e leva mozzarela, fiambre fumado, ovos e azeitonas.

Trocas à parte, o vinho português de várias regiões tem honras em cima da mesa, ao lado da piza, mas também há três tipos de caipirinhas para as acompanhar. Porque aqui não se discute qual é o melhor: apenas que tudo casa tão bem.

 

Pizza Vignoli
Praça das Flores, 40
Tel: 213951731
Web: facebook.com/pizzavignolilx
Terca a domingo, das 18h00 às 00h00.
Preço médio: 20 euros

 

Atualização a 15 de março: este estabelecimento encerrou atividade em fevereiro de 2017.



CONTEÚDO PATROCINADO