Beco: o cabaret gourmet de José Avillez

Estava prometido desde a abertura do Bairro do Avillez, mas só em março foi revelado o conceito que ainda faltava ao chef: um cabaret para maiores de idade, onde a comida e a bebida fazem parte do espetáculo.

Para chegar ao Beco Cabaret Gourmet é preciso atravessar as várias salas do Bairro do Avillez, no Chiado, e só mesmo no final vamos encontrar a entrada, que é uma porta disfarçada de estante. Para a transpor, é preciso provar ao mestre-de-cerimónias, o René, que somos maiores de idade e portadores de um bilhete, se viermos para o jantar espetáculo (primeiro turno das 19h30 às 21h45; segundo turno das 22h00 às 00h00), ou de uma reserva, se viermos para o bar (funciona das 00h00 às 02h00, com início do espetáculo à meia-noite).

Depois de um pequeno foyer e arredadas as pesadas cortinas, a sala; de um lado, o pequeno palco, do outro, o bar dominado por uma pintura da atriz burlesca Dita Von Teese. São apenas 12 mesas e quatro lugares ao balcão para uma experiência gastronómica muito visual e lúdica, composta por 12 momentos, que recupera pratos do Mini Bar e até do Belcanto (como a célebre galinha dos ovos de ouro que aqui viram prata). A ideia de não permitir fotos ou gravações não é para aborrecer, é tão só para preservar ao máximo o elemento surpresa para os que hão de vir.

Não será do domínio público, mas foi um dos trisavôs do chef, José Ereira, quem abriu o saudoso Maxim’s no Palácio Foz, pelo que José Avillez, com este seu Beco Cabaret Gourmet, quis também prestar uma homenagem aos clubes elegantes da década de 1920 e de 1950 com algumas referências assumidas, em termos cénicos e de show, ao filme Cabaret. Há uma cadência, em termos de serviço, pensada para que todas as mesas sigam em compasso e para que os vários momento do espetáculo possam ser desfrutados entre pratos.

A par da comida, a coquetelaria, paga à parte, é uma componente forte do Beco, com direito a criações que nos vão perdurar na memória, como é o caso do Narcisist (vodka e pêra bêbada) servido com um espelho ou do explícito Too Drunk to Fuck (aguardente, vinho do Porto e amêndoa). Mais, não contamos; só visto.

Partilhar
Partilhar
Mapa da ficha ténica
Morada
Rua Nova da Trindade, 18
Telefone
210939234
Horário
Das 19h30 às 02h00. Encerra terça e quarta
Custo
(€€€) 100 euros


GPS
Latitude : 38.712265
Longitude : -9.142378000000008


CONTEÚDO PATROCINADO