Lisboa: Há cocktails quentes para dias frios no Bairro Alto

As novidades na carta de cocktails do Café-bar BA. Há mixologia quente para saborear em dias frios, no Bairro Alto.

Abriu em maio de 2005, fica no Bairro Alto Hotel, em Lisboa, mas a entrada independente pela Rua do Alecrim retira-lhe o estigma de bar de hotel. A única semelhança é «o ambiente sofisticado, mas descontraído, e o serviço de excelência», de acordo com as palavras de Nuno Matos, responsável de F&B do hotel, que acrescenta tratar-se de um bar «trendy e cosmopolita.»

A mudança de estação motivou uma renovação da carta de cocktails, agora com propostas já a pensar nos dias mais frios. Entre as novidades estão o Coffee Queen, com Cointreau, Amaretto Disarono, café, natas e noz moscada ralada, e o Tennessee, à base de Jack Daniels, Grand Marnier e xarope de açúcar. Outra sugestão quente mas já antiga é o Cariocas de Lisboa, servido num copo bombom, com cachaça, sumo de lima, mel, grão de café, canela e gengibre, que «representa a ligação entre Portugal e Brasil.»

Como o sol é uma constante em Lisboa, além dos cocktails quentes, também há novas propostas já a chamar o verão: Summer Love, Sour D e Spice Honey Flower, com sabores entre toranja, lima e limão.

A agenda musical varia todas as noites e por aqui passam DJs cujos estilos abrangem jazz, bossa nova, blues e, como não podia deixar de ser, música portuguesa. Em novembro arrancou o projeto B´Arte, uma montra de arte ao vivo e tem como objetivo promover artistas nacionais e ligar este espaço à cidade. O primeiro trabalho é a Anémona, de Sofia Pidwell, que traz uma instalação de pequenas formas orgânicas às vitrines do espaço. Motivos não faltam para justificarem uma visita.

Café-Bar BA
Bairro Alto Hotel – Praça Luís de Camões, Bairro Alto
Web: Facebook BairroAltoHotel
Tel.: 213408288
Das 11h00 à 01h30. Não encerra.
Preços: Cocktails entre 8 e 14 euros, gin entre 9 e 16,5 euros, cerveja entre 3 e 6 euros


Leia também os artigos:
Uma das melhores vistas do Porto
Um restaurante em Cascais para começar o ano a comer saudável

Um bar inspirado nos anos 1920 no centro de Lisboa



CONTEÚDO PATROCINADO